Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Casinha da horta

Blog sobre cultivo, pecuária, culinária etc...Biológico

Casinha da horta

Blog sobre cultivo, pecuária, culinária etc...Biológico

Sex | 29.03.13

Melões e companhia

silvia lima

                                  Cultivar melões e outras curcubitáceas deliciosas

 

      

 

 

Eu na minha zona (Aveiro) semeio os melões mais tarde e directamente na terra, o ano passado semeei-os mais cedo em estufa e não achei que tivesse mais sucesso.

 

Este ano vou experimentar semea-los numa vala bem estrumada todos seguidinhos e ter uma vala única de rega, o truque será pôr o plástico negro dos morangueiros para que se mantenham sem ervas.Os melões(nem todos) necessitam de uma poda especial que faz com que em cada sítio específico que se faça a desponta, nasce uma "bifurcação" que se desponta novamente para gerar outra bifurcação e assim em diante até que se obtenha entre 6 a 8 terminais cada um com o seu melão.Como com as ervas se torna uma tarefa muito difícil distinguir os ramos a cortar vou experimentar o plástico negro, tem de ser micro-perfurado, pois não queremos que chova e que a água faça poças no plástico apodrecendo os melões.

 

As variedades como a Charentais, ananás da América e algumas outras espécies de melões almiscarados não precisam deste método pois são muito vigorosos.

 

Este tipo de plástico também é bom para abóboras.

 

Algumas espécies chamadas melões de inverno, só amadurecem quando a temperatura começar a cair, por isso escusado está de semea-los antes de março-abril.

 

Existem algumas variedades híbridas, recomendo que experimentem para zonas temperadas-frias e húmidas ,como a minha, são mais resistentes a certas doenças causadas pela humidade excessiva.Para zonas quentes e secas como alentejo e algarve não há necessidade até porque são um pouco mais caras do que as normais e não há necessidade.

As variedades híbridas a que me refiro, referem que são resistentes a esta ou aquela doença.